Posted by

Nesta 3ª Feira 24/3, o Presidente do Rio Branco Football Club Neto Alencar, disse ao blogdochicopontes.com.br que os mentirosos de plantão, estão se aproveitando do “Grave Momento” que estamos vivendo com o surto do Coronavírus para espalhar notícias falsas e mentirosas relacionadas ao Rio Branco Football Club. Veja a entrevista:

Para evitar contágio e transmissão do vírus, como Presidente do clube, determinei aos meus Diretores que esvaziasse as dependências do nosso CT, evitando assim, concentração de pessoas no local.

Isso foi feito de imediato, os atletas da Base foram para suas casas, torcedores e colaboradores se ausentaram do local, entenderam nosso apelo e conseqüentemente estamos respeitando as determinações das autoridades e Ministério da Saúde, concluiu.

O Presidente disse ainda que os atletas de outros Estados, estão em seus apartamentos no CT com comportamento exemplar, também cumprindo as orientações da saúde.

Se outros clubes fizeram desmanche de seus elencos, é problema deles. Cada um tem seu jeito de administrar. Eu por exemplo, não joguei e nem vou jogar a toalha, até que o Presidente da Federação Antônio Aquino dê a palavra final. Sobre a continuação ou não do Campeonato, vou até o último minuto, até aos acréscimos, não sou homem de desistir.

Na minha administração a Imprensa sempre teve trânsito livre, mas ela tem obrigação e o dever de procurar os Diretores do clube, para obter informações de seu interesse. O jornalista não pode se aproveitar do grave e triste momento que vivemos para espalhar mentiras e boatos.

Hoje o Rio Branco Football Club tem comando, aqui tem ordem, o Rio Branco Football Club não é mais a casa da mãe Joana onde todos mandavam e ninguém fazia nada. Estamos perto de dar a volta por cima e nosso clube vai voltar a ser, o gigante que sempre foi. Finalizou o Presidente Neto Alencar.

SALÁRIOS / COMISSÃO NACIONAL DE CLUBES.

Diante do panorama atual, clubes Dirigentes e jogadores tomaram a iniciativa de abrir negociações, relacionadas aos contratos dos atletas. Quando se fala em regras trabalhistas, ninguém quer perder um tostão.

A Comissão Nacional de Clubes CNC, reuniu os representantes de clubes da Série A/B/C/D, e a proposta da entidade, é férias coletivas a partir de 1º de abril e corte de 25% nos salários dos jogadores, com pagamento integral do mês de março.

O Presidente do Imperador Galvez Cel. Edener Franco disse hoje ao blogdochicopontes.com.br que o pagamento de março vai ser feito 5ª Feira 26/3 e não falou nada sobre corte de salários. O Presidente do Nauas Zacarias Lopes revelou ao blogdochicopontes.com.br que seus jogadores tem contratos de salário mínimo por isso não pode mexer em seus vencimentos, O Presidente do Rio Branco Football Club Neto Alencar adiantou que a folha de março de seus atletas vence dia 5/4 conforme acordos contratuais. O blogdochicopontes.com.br continua fazendo contato com os demais clubes. Veja a integra da nota da A Comissão Nacional de Clubes CNC:

A Comissão Nacional de Clubes (“CNC”), órgão estatutário e independente da CBF, representando os Clubes das Séries A, B, C e D do futebol brasileiro, informa que:

Realizou nesta segunda-feira, 23 de março, com a representação de 46 clubes de todas as Séries, por videoconferência, uma nova reunião para deliberar sobre as questões trabalhistas em debate junto às entidades representativas dos atletas, diante da suspensão das competições por tempo indeterminado.

Relativamente à proposta envolvendo a relação dos Clubes com os atletas de futebol, uma nova proposição foi formulada e enviada à FENAPAF, Sindicatos e atletas, considerando que a primeira foi rejeitada, não tendo sido apresentada contraproposta aos clubes por parte dos mesmos.

Levando em consideração o cenário de dificuldades que se apresenta no Brasil a partir das previsões das autoridades sanitárias, bem como a Medida Provisória editada na data de ontem pelo Governo Federal (Art. 6, 9, 11 e 12) e a Legislação Trabalhista (Art. 503 da CLT), esta segunda proposição apresentada contempla os seguintes pontos:

  1. Concessão de Férias Coletivas de 20 dias a todos os atletas, no período compreendido entre os dias 1 de abril e 20 de abril de 2020, com pagamento integral no quinto dia útil do mês subsequente ao gozo das férias e o 1/3 constitucional a ser pago no mês de dezembro de 2020, de modo que os clubes – e somente eles – arcarão integralmente com a manutenção das atividades futebolísticas durante tal período;
  2. Garantia aos atletas do período de 10 dias restantes de férias no final do ano de 2020 ou no início de 2021, adequadas ao calendário que se desenhará após o retorno da paralisação;
  3. Redução da remuneração dos atletas em 25% durante o período da paralisação, como preceitua o artigo 503 da CLT (Consolidação das Leis do Trabalho) em casos extremos e de força maior.

A CNC esclarece que solicitou à FENAPAF, aos Sindicatos e aos atletas que respondam a essa proposta no prazo de 48 horas do recebimento, para que possa haver avanço na direção de uma solução que atenda a todos.

A CNC acredita que o permanente diálogo entre os Clubes e os atletas levará a um cenário onde todos possam dar sua parcela de contribuição para preservar os empregos, os empregados e os empregadores.

Por fim, a CNC e os Clubes por ela representados esclarecem que, não havendo resposta por parte dos órgãos representativos ou dos próprios atletas, as férias coletivas serão concedidas conforme autorizado na Medida Provisória publicada pelo Governo Federal na data de ontem.

COMISSÃO NACIONAL DE CLUBES

CNN HOJE

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *